Engenharia de Produção

* Valor acima válido somente para o primeiro período de cada curso, referente ao primeiro semestre de 2020 e para pagamento à vista. Promoção não cumulativa com outras ofertas válida até 29/02/2020. Os preços promocionais não se aplicam a quaisquer tipos de financiamento, inclusive FIES. Desconto não cumulativo com outras promoções.

Já se imaginou atuando no mercado de trabalho, apontando, elaborando e resolvendo questões complexas dos sistemas de produtivos, de forma otimizada?

O engenheiro de produção é o profissional que atende os requisitos gerenciais e tecnológicos e que buscam a maior vantagem competitiva nos setores econômicos em atuação.

Suas competências desenvolvidas propiciam um leque de oportunidades, pois o Engenheiro de Produção é hábil em gerir os mais diversos recursos, tais como econômico-financeiro, de materiais, de tempo, humano, ambiental e da informação, cuja forma de gestão é pautada em racionalização, eficiência, organização, qualidade e produtividade, de modo sistêmico.

Para isso, é exigido deste profissional, expertises em tecnologia, profunda visão de negócios e foco em qualidade de forma integrada e otimizada.

No curso de Engenharia de Produção da UniSãoJosé  você encontra uma equipe qualificada, que visa capacitar os alunos (e futuros engenheiros) na utilização de métodos e técnicas para otimizar a utilização dos recursos já existentes nos sistemas de produção, promovendo melhorias significativas para a organização, com um currículo fortemente voltado para atitude empreendedora e formação em inteligência de negócios, com o apoio de profissionais que são referência nas áreas.

Nos períodos iniciais o aluno recebe toda a teoria necessária para a construção do aprendizado quantitativo e científico, com forte base matemática, para que ao longo do curso, ao entrar em contato com as disciplinas profissionalizantes, mais especializadas, complexas e focadas, detenha o conhecimento necessário para agir como gestor, seja em negócio próprio, em startups ou nas maiores corporações globais, com salários iniciais que podem superar R$ 8000,00 mensais.

Além da moderna estrutura de salas de aula e bibliotecas que a UniSãoJosé oferece, a formação do engenheiro pleno conta com equipamentos de ponta em seus laboratórios. A Escola de Engenharia conta com uma rede de ensino, pesquisa e de desenvolvimento tecnológico com aparelhagem moderna e com softwares que permitem a simulação de vários processos específicos da área.

A UniSãoJosé acredita na excelência voltada para a prática oferecendo conjunto de atividades suplementares que aprofundam o desenvolvimento das habilidades de mercado e espírito de colaboração e integração.

Motivos Pelos Quais Você Deve Escolher Engenharia de Produção da UniSãoJosé

Se você ainda tem dúvidas sobre o nosso curso de graduação em Engenharia de Produção, Estou aqui para te ajudar! Não fique com dúvidas e agende com nossa central de matricula, uma orientação profissional com o coordenador do curso prof. Thiago Loures, especialista em desenvolvimento organizacional, que poderá te auxiliar acerca da profissão do Engenheiro de Produção na atualidade. A orientação profissional é todo o processo de orientação para as tomadas de decisões, que abrange desde estudos sobre mercado de trabalho e oportunidades de emprego, até uma orientação individual sobre interesses de carreira na área de Engenharia de Produção.

Todo o corpo docente do curso de Engenharia de Produção da UnisãoJosé é composto por mestres e doutores, pelas mais renomadas instituições de ensino, sendo facilitadores do processo de desenvolvimento e aprendizagem. Seja em relação ao conhecimento, habilidades ou atitudes, nossa equipe está sempre disponível para auxiliá-los na sua condução profissional.

Buscam trazer o cotidiano empresarial para dentro das salas de aula, através de conteúdos direcionados para o mercado de trabalho, com simulações, jogos e dinâmicas, estudos de casos ou projetos de campo para analisar e avaliar situações reais empresariais, identificando problemas e propondo soluções otimizadas.

O controle de qualidade do curso é garantido pelo Núcleo de Docente Estruturantes do Curso (NDE) e pelo colegiado do curso que definem o desenvolvimento e a implementação das metodologias de ensino e aprendizagem no curso, sobretudo de forma ativa e interacionista.

A Matriz Curricular do curso de Engenharia de Produção da UniSãoJosé possui 3.604 horas distribuídas ao longo de cinco anos, possibilitando você construir sua trajetória profissional em dez diferentes áreas específicas da Engenharia de Produção, preconizadas pela Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO):

  • 1. ENGENHARIA DE OPERAÇÕES E PROCESSOS DA PRODUÇÃO

  • 2. LOGÍSTICA

  • 3. PESQUISA OPERACIONAL

  • 4. ENGENHARIA DA QUALIDADE

  • 5. ENGENHARIA DO PRODUTO

  • 6. ENGENHARIA ORGANIZACIONAL

  • 7. ENGENHARIA ECONÔMICA

  • 8. ENGENHARIA DO TRABALHO

  • 9. ENGENHARIA DA SUSTENTABILIDADE

  • 10. EDUCAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

Ao longo do curso, o corpo docente fomenta o desenvolvimento de pesquisas de campo, tanto práticas, como teóricas, preparando os alunos para não somente o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), que consiste em composição de artigo, planos de negócios ou projetos tecnológicos, mas também para que o alunos esteja preparado para criar soluções projetizadas nas empresas em que for atuar.

Temos convênios com as grandes empresas da Zona Oeste do Rio tais como a Coca cola, AMBEV e Gerdau, Itaú, Santander, Bradesco e as grandes redes de supermercados e hipermercados locais que empregam nossos alunos.

O curso de Engenharia de Produção possibilita o ingresso de seus alunos na São José Júnior, que é a Empresa Júnior da UniSãoJosé. Uma equipe multidisciplinar que promove práticas de consultorias para as empresas locais e comunitárias, formada pela iniciativa dos próprios alunos da Escola de Negócios, com cursos de mentoria sob orientação de professores.

Um programa de quatro meses de bolsa em que os alunos são selecionados por meio de uma prova após inscrição no edital, e após publicação dos resultados eles recebem bolsas de até 50% sob a forma de desconto no valor das suas mensalidades um programa podendo ser renovado desde que o candidato cumpre os regulamentos do programa.

Sob a orientação dos professores da Engenharia de Produção, os alunos exercem a função de monitores das disciplinas ofertadas, auxiliando os alunos inscritos em estudos dirigidos e também realizam projetos de destaque, tais como o Redesenho dos Processos e do Lay-Out de uma Central de Atendimento em uma Instituição de Ensino, cujos objetivos específicos da pesquisa são foram diagnosticar a lógica de serviço estabelecida pela instituição, a praticada pelo atendente e a esperada pelo cliente; mapear os processos existentes e diagnosticar possíveis problemas de processo; analisar o trabalho e diagnosticar os possíveis problemas ergonômicos e realizar recomendações de projeto ergonômico do layout com as adequações corretas às atividades de trabalho e aos processos desempenhados.

Como justificativa da pesquisa, no âmbito de gerenciamento de processos, buscava compreender como os fluxos de processo e o trabalho na central de matrículas contribui para a implementação de uma forma otimizada e objetiva de atendimento ao cliente, permitindo que a instituição obtenha melhores resultados na perspectiva de captação de novos alunos e manutenção dos atuais.

Percebe-se que a relevância da pesquisa está além da contribuição para a compreensão e melhorias dos processos e do layout de um setor da própria instituição de ensino analisada, mas sim, propiciar que o aluno e futuro Engenheiro de Produção seja capaz de analisar criticamente e buscar soluções viáveis para os problemas encontrados.

A UnisãoJosé é localizada no coração do bairro de Realengo, próximo a Estação de trem de Realengo, e de frente a Avenida Santa Cruz a principal via que corta todos os bairros da Zona Oeste do Rio de Janeiro, o que permite ao aluno poder chegar a tempo na instituição antes do início das aulas, após um dia intenso de expediente de trabalho. Nossas salas de aulas são equipadas de materiais audiovisuais e ar condicionados favorecendo assim, um ambiente agradável para o aprendizado. Os corredores e a biblioteca têm acesso a internet WIFI grátis com cobertura nas salas de aulas para facilitar as conexões e o processo de ensino e aprendizagem. O curso dispõe de laboratórios modernos de jogos empresariais, de física experimental, de informática, entre outros, destinados às práticas das disciplinas, promovendo interação e dinâmicas de grupos.

A UniSãoJosé dispõe de um Programa de Integração ao Trabalho (PIT) que atua na colocação dos alunos do curso de Engenharia de Produção nas vagas de estágio e emprego disponibilizadas pelos nossos parceiros, assim como na divulgação das vagas para os alunos. Possibilitando o acesso ao mercado de trabalho.

Através de levantamentos entre maio e dezembro de 2019, pelo CAGED, considerando uma amostra de 3.795 salários de Engenheiros de Produção admitidos e desligados em todo Brasil, a faixa salarial do Engenheiro de Produção (CBO 2149-05) fica entre R$ 7.613,08 (média do piso salarial 2020 de acordos, convenções coletivas e dissídios e o teto salarial de R$ 17.932,32 mensais, levando em conta profissionais com carteira assinada em regime CLT de todo o Brasil, cuja mediana é de R$ 8.483,00 e salário inicial para um Engenheiro de Produção recém-formado na faculdade é de R$ 7.572,50 mensais para uma jornada de trabalho de 43h semanais em média.

PROF. THIAGO JOSÉ DELL`ARMI LOURES

Possui graduação em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2008) e mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012), cuja área de pesquisa é voltada para Gestão e Inovação. Atualmente é professor do Instituto de Engenharia de Gestão, Gerente de Produto no Laboratório Gross e sócio-fundador da Dello Consultoria.

Currículo Lattes >http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4484461E7

coord_engprod@saojose.br

 

OPERAÇÕES PRODUTIVAS


Projeto, implantação e controle de sistemas produtivos das principais indústrias do país, como automotiva, siderúrgica e mineradora, de máquinas e equipamentos e de tecnologia em geral; projeto, implantação e controle de sistemas de prestação de serviços como energia e transporte, entre outros; gestão de custos; projeto de arranjo físico em empresas dos setores primário (extrativista), secundário (indústria) e terciário (serviços); gestão de métodos e do trabalho; desenvolvimento e projeto de produtos e serviços.

AUTOMAÇÃO E CONTROLE DE PROCESSOS


Definição de estratégias de controle; projeto e configurações de sistemas de controle; especificação de equipamentos para automação e sua gestão.

LOGÍSTICA


Definição de estratégias, planejamento e gestão da distribuição física na cadeia de suprimentos e da movimentação interna de produtos; gestão de estoques; projeto e gestão da logística reversa; gestão da cadeia de suprimentos.

GESTÃO DA QUALIDADE


Controle da qualidade; gestão de ferramentas e custos da qualidade; normalização, inspeção, auditoria e certificações da qualidade.

GESTÃO EMPRESARIAL


Análise de mercado; avaliação de cenários e elaboração de estratégias para a empresa; gestão de indicadores.

SUSTENTABILIDADE, MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL


Utilização racional e eficiente dos sistemas produtivos e seus insumos, assim como de seus subprodutos; elaboração de estratégias de sustentabilidade e gestão ambiental; definição de programas de responsabilidade social nas empresas.

EDUCAÇÃO E PESQUISA


Professor e pesquisador em instituições de ensino públicas ou privadas e em institutos de pesquisa.

 

 


ou

FALE CONOSCO

Inscreva-se